Portal do Léo - Letras de Músicas





Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, Mulher, Portuguese, Animais



Histórico
 01/07/2012 a 07/07/2012
 17/06/2012 a 23/06/2012
 03/06/2012 a 09/06/2012
 20/05/2012 a 26/05/2012
 13/05/2012 a 19/05/2012
 06/05/2012 a 12/05/2012
 22/04/2012 a 28/04/2012
 08/04/2012 a 14/04/2012
 01/04/2012 a 07/04/2012
 25/03/2012 a 31/03/2012
 11/03/2012 a 17/03/2012
 04/03/2012 a 10/03/2012
 26/02/2012 a 03/03/2012
 12/02/2012 a 18/02/2012
 05/02/2012 a 11/02/2012
 29/01/2012 a 04/02/2012
 22/01/2012 a 28/01/2012
 15/01/2012 a 21/01/2012
 08/01/2012 a 14/01/2012
 01/01/2012 a 07/01/2012
 25/12/2011 a 31/12/2011
 18/12/2011 a 24/12/2011
 11/12/2011 a 17/12/2011
 04/12/2011 a 10/12/2011
 27/11/2011 a 03/12/2011
 20/11/2011 a 26/11/2011
 13/11/2011 a 19/11/2011
 06/11/2011 a 12/11/2011
 30/10/2011 a 05/11/2011
 23/10/2011 a 29/10/2011
 16/10/2011 a 22/10/2011
 09/10/2011 a 15/10/2011
 02/10/2011 a 08/10/2011
 25/09/2011 a 01/10/2011
 18/09/2011 a 24/09/2011
 11/09/2011 a 17/09/2011
 04/09/2011 a 10/09/2011
 28/08/2011 a 03/09/2011
 21/08/2011 a 27/08/2011
 14/08/2011 a 20/08/2011
 07/08/2011 a 13/08/2011
 31/07/2011 a 06/08/2011
 24/07/2011 a 30/07/2011
 17/07/2011 a 23/07/2011
 03/07/2011 a 09/07/2011
 26/06/2011 a 02/07/2011
 19/06/2011 a 25/06/2011
 12/06/2011 a 18/06/2011
 05/06/2011 a 11/06/2011


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


 
 
Adote um Gatinho


CUIDADOS COM O SEU GATINHO - CAIXA DE AREIA

Você sabia que a caixinha de areia do seu gatinho deve ser limpa todos os dias? Evite xixi e cocô fora do lugar, limpando a caixinha diariamente! Confira outras dicas sobre a caixinha de areia abaixo!

LIMPEZA DA CAIXINHA:
- O xixi e o cocô devem ser retirados 1 vez por dia, no mínimo. Gatos são animais muito limpos, e preferem fazer as necessidades em outro local a usar um “banheiro sujo”!
- Além disso, recomenda-se a lavagem completa da caixinha e a troca de todo o granulado sanitário 1 vez por semana, no mínimo.

TAMANHO E TIPO DA CAIXINHA:
- Os gatos preferem caixinhas de areia de tamanho grande, com espaço para que eles possam se movimentar e enterrar o xixi e o cocô. Nada de caixinha apertada par o seu gatinho!
- Se o seu gatinho espalha muita areia, invista numa caixinha com bordas ou laterais altas.
- As caixinhas de areia com cobertura, como a da foto, costumam ser sucesso entre gatos e humanos. Além de dar privacidade ao seu gatinho, a cobertura ajuda também a diminuir o odor. À venda em grandes pet shops, como Cobasi e Pet Center Marginal.
- Dois ou mais gatos podem dividir uma caixinha de areia, mas certifique-se de que o espaço é suficiente para todos. Se um dos gatos começar a fazer xixi fora do lugar, é sinal de que você deve investir em mais uma caixinha para os seus bichanos.

LOCALIZAÇÃO DA CAIXINHA:
- Nunca coloque a caixinha de areia próxima aos potinhos de água e ração, os gatos detestam isso!
- Gatos também gostam de privacidade naquelas horas. Então, coloque a caixinha de areia num local arejado e tranqüilo da casa, sem muito movimento.

O seu gatinho agradece!



Escrito por Yumi às 11h47
[ ] [ envie esta mensagem ]





Escrito por Yumi às 15h02
[ ] [ envie esta mensagem ]



Cartinhas!

CARTINHA DO CEBOLITOS

"Oi tias, tudo bem?

Espero que vocês lembrem de mim: sou o Cebolitos, aquele sapeca que vocês resgataram com 10 dias de vida, parecendo um ratinho, junto com os meus irmãos. Estou aqui para agradecer, de coração, todas vocês! Eu e meus irmãozinhos teríamos um destino muito cruel, amarrados naquela caixa de papelão, se não fossem vocês que nos resgataram, alimentaram, aqueceram e nos deixaram fortes e lindos! Tias, sempre pensei que eu ficaria encalhado, sabem? Afinal, quem vai prestar atenção num gatinho preto e branco tão comum? Como as pessoas saberiam quão carinhoso e louco por atenção eu sou? É dura essa vida de gato abandonado... Por sorte, quando vocês divulgaram um outro encalhadinho, as que seriam minhas mamães se interessaram e entraram em contato com vocês... Mas o encalhadinho já não era mais encalhado e já tinha ganhado um lar! Então a tia Angélica sugeriu que minhas mães olhassem o meu perfil...Que sorte eu tive! Elas se apaixonaram pela minha cara de safado!

Confesso que dei um trabalho na minha nova casa: já cheguei chegando, me sentindo o dono do pedaço, sem entender que lá já morava uma gatinha linda e muito brava com a minha invasão... Minhas mães também estavam acostumadas com a calmaria lá em casa, já que a minha irmã é uma verdadeira dama! Mas eu sou o vagabundo, hehe, e faço a maior bagunça com tudo, adoro subir na mesa quando as pessoas estão comendo pra tentar pular no prato delas... Não sei se o medo de ficar sem comida se reflete até hoje, viu, tias... Mas eu seria capaz de comer QUALQUER COISA! Seria mesmo, e as vezes até tento, mas minhas mães não deixam não, dizem que vai fazer mal pro meu intestino... Mesmo assim eu não desisto de tomar água do box ou da pia e de atacar o jantar de quem se distrair por 5 minutos. Tenho uma paixão especial por morder as folhas de jornal e revista que minha mãe lê de manhã também.

Hoje em dia eu me comporto melhor, e minha irmã até gosta de mim. Eu sou muito carinhoso mesmo, conquisto todo mundo no dengo! Hoje eu não me chamo mais Cebolitos, agora sou o Ziggy, e minha irmã Amélie aprendeu a gostar de mim também, mesmo quando eu infernizo a vida dela querendo brincar de lutinha (sou um meninão, né, tias? Às vezes eu exagero na força, mas sempre peço desculpas...), ou querendo dar banho nela... Eu bem que tento, mas ela logo se irrita porque eu quero dar banho por HORAS! hehe. Quando ela tá de bom humor, ou com frio, me deixa ficar aninhado nos pelões compridos dela. Adoro!

Tias, muito obrigado por cuidarem tão bem de mim até que eu encontrasse o meu cantinho. Hoje sou tão feliz que vocês nem podem imaginar! Ganho patês, muita comida, vários brinquedos e carinho também... Não posso ver as mamães ou qualquer visita no sofá que eu já pulo no colo e ativo meu motor de ronrom! Sou tão boa praça que até já tentei fazer amizade com o gatão do apartamento vizinho, às vezes rolam uns encontros casuais no hall do andar, sabe? Comigo não tem tempo ruim. E assim como eu, muitos outros gatinhos "comuns" estão cheios de amor pra dar... Então tias, por favor, dêem um toque para quem quer adotar um peludo como eu: não escolham só os gatinhos brancos, com cara de gato "de raça", poxa... Nós também merecemos carinho, né? E a minha mãe que está aqui escrevendo por mim me diz todos os dias que eu fui a melhor escolha que ela poderia ter feito no site de vocês. Uma lambida minha e um abraços das mamães pra vocês :)"

 

CARTINHA DA JAVA

"Oi tias! Tudo bem com vocês? Aqui quem fala é a Java! Pedi pra mamãe fazer essa carta pra dar notícias minhas!

Tias, já faz dois meses que estou na minha casinha nova. No dia que a mamãe foi me buscar no abrigo, eu dei um trabalhão! Não queria entrar de jeito nenhum naquela caixinha, até arranhei o braço da tia Cris. E o medo de ser devolvida de novo? Eu fiquei com muito medo, apavorada mesmo!

Mas a mamãe me colocou no carro e foi conversando comigo...disse que eu estava indo pra casa, que seria muito amada , que ela nunca me abandonaria e que eu não precisava ter medo nenhum mais. Aí eu fui me acalmando, ficando mais quietinha...mamãe estava muito feliz, e eu estava começando a ficar também.

Quando cheguei, estavam todos me esperando com muito carinho. Mas eu demorei um tempinho até confiar, andar pela casa toda sozinha...ficava muito com a mamãe, mas com o tempo fui me soltando e hoje eu fico junto com meus avós na sala, na cozinha, passeio pelo quintal...aliás, uns dias depois que eu cheguei, fui tentar escalar a tela que a mamãe pôs no quintal e é claro que não dava pra sair, pois a casa inteira é telada. Fiquei desesperada mas a mamãe e meus avós vieram logo e me tiraram dali...ufa! Nunca mais eu cheguei perto da tela!

Eu tenho um irmão, o Theo...mas sabe tias, minha mãe disse que ele não entendeu ainda que somos irmãos...apesar de castrado ele é meio taradão sabe...então eu fico brava quando ele tenta se aproximar, mas depois da briga nós dormimos juntos na cama da mamãe. Tem o Dunga também, o cachorrinho. Quando eu cheguei ele ficou com ciúmes, latia quando eu passava..mas hoje ele morre de medo de mim! Tá pensando o que, sou uma gatinha de personalidade forte! Rsrsrsrs

Tias, eu estou muito, muito feliz aqui. Tenho uma família que me ama muito, sou muito querida na minha casinha. Não sou mais aquela gatinha triste que mamãe viu no abrigo, depois de ser devolvida. Eu durmo com a mamãe na cama toda noite, quando ela chega do trabalho eu vou correndo pra ver ela... Um dengo só!

Eu queria agradecer vocês tias, por todo o carinho e cuidado que tiveram comigo...eu nunca vou esquecer vocês! Muito obrigada por tudo!

Lambidinhas da Java!"



Escrito por Yumi às 15h26
[ ] [ envie esta mensagem ]



GATINHA DA SEMANA - BETERRABA

Olá! Eu sou a Beterraba e estou procurando uma família que goste de mim, para que eu possa entregar meu coraçãozinho pra sempre. E preciso disso urgente! Eu estou na casa de uma das tias do AUG, mas os gatinhos que moram aqui já perceberam que eu não quero saber deles, que eu prefiro ficar com os humanos, e estão brigando comigo e me batendo toda hora.

A tia não sabe mais o que fazer. Ela não quer me prender em um banheiro pequenininho, porque eu fico muito triste tão sozinha em um lugar apertado, que nem dá pra brincar. Vocês não imaginam como eu gosto de brincar sozinha com meus brinquedinhos. Fico um tempão correndo pela casa com um ratinho ou uma bolinha. Mas o que eu mais gosto é ficar perto das pessoas. A tia fica trabalhando e eu fico sempre por perto. De vez em quando, eu pulo na mesa de trabalho, peço um carinho (na verdade, eu me jogo no colo dela... hehehe) e ela para pra fazer um cafuné, porque sabe  que não sou grudenta. Basta um minuto de atenção e eu saio do colo, vou beliscar uma raçãozinha e volto pro meu cantinho.

Não dou trabalho nenhum, sou boazinha, quietinha, obediente, carinhosa e sempre retribuo os carinhos com muitas lambidinhas.  Sou a típica gatinha companheira e obediente. Basta falar uma vez comigo, que eu abaixo a cabecinha e fico quietinha ou vou dormir em algum cantinho.  Só não quero dividir a atenção dos humanos com outro gatinho.  Desde pequenininha, eu só aceitava o meu irmãozinho, mas ele era muito bonito, foi embora e eu sobrei...

Fiz um ano em março, sou saudável, forte e tenho o rabinho curtinho, como alguns dos meus irmãos. Fui encontrada numa caixa de papelão na rua, junto com mais cinco irmãozinhos, quando a gente tinha apenas 15 dias. Desde então, a tia cuida da gente, mas todos já se foram. Ah, eu também tenho medo de crianças... É que eu cheguei a ser adotada uma vez com um dos meus irmãos, mas as crianças da casa judiavam da gente. A tia foi nos buscar de volta, mas até hoje eu corro de crianças e faço fuuuu quando elas se aproximam demais, porque acho que elas vão me machucar. Então, prefiro encontrar um lar que não tenha crianças pequenas. Será que você pode me ajudar a ser feliz?

Para adotar a Beterraba, por favor, acesse o nosso website e preencha o formulário de adoção: www.adoteumgatinho.org.br. Atenção: os gatinhos do AUG são doados apenas para a cidade de São Paulo, ABC e Osasco.

Se você não pode adotar, mas gostaria de ajudar, divulgue essa mensagem entre seus amigos! Compartilhe!




Escrito por Yumi às 14h25
[ ] [ envie esta mensagem ]




[ ver mensagens anteriores ]


 
 


© Adote um Gatinho - 2003/2006 - Todos os Direitos Reservados
Portal do Léo - Letras de Músicas